Welcome, visitor! [ Register | Loginrss

As melhores acompanhantes do Rio de Janeiro estão aqui! hotside.com.br

Tipo do usuario: guest

Uma massagem erótica

  • Enviado: 22 de julho de 2007 16:52

Corpo do conto

Bom , me chamo Neto e sou casado a 14 anos com a Paula ( nome fectício ) , mais detalhes leiam os últimos contos.

Todos nós homens e mulheres temos fantasias e desejos sexuais. O meu casamento sempre foi muito bom em todos os sentidos , principalmente no campo sexual.Desde a época de namoro sempre fiz questão de deixar claro as minhas fantasias sexuais e por isso temos um relacionamento de muita cumplicidade. Uma das minhas fantasias é ver a minha esposa sendo tocada e adimirada por um outro homem. Ontém , no sábado , tinha combinado com um massagista daqui de Recife para aplicar uma massagem na Paula.

Jorge ( nome fectício ) e eu conversamos previamente e combinamos como seria esta massagem. Pois bem , no sábado pela manhã fomos à praia e observei a Paula tomando banho de sol de frente com o intuíto de realçar bem sua marquinha dos seios. Quando chegamos em casa achei a minha esposa anciosa pela hora do Jorge no qual tínhamos combinado para as 17:00 horas. Ví quando ela foi para o banho e pediu o barbeador para fazer os cantinhos da sua linda xaninha que por sinal é muita linda de grandes lábios e dona de um grelo enorme.Apartir daí sentí muito tesão só de imaginar o quanto poderia ser tesudo o decorrer da massagem. Após o almoço ela fez suas unhas e colocou um lindo biquini , muito embora , não seja aquele biquini tão ousado como gosto de vê-la vestida.Assim que acabou as unhas e sobrancelhas ela vestiu um roupão para esperar o massagista que por sinal não conhecíamos , apenas o conhecia por telefone.

As 17:00 horas pontualmente o Jorge chega em nossa casa. Um homem sem muitos atrativos porém , muito educado e simpático. Um sujeito alto , calvo , magro e de pele clara.

Nos apresentamos e tratei de deixar a minha esposa bem a vontade e fui logo ligando o ar condicionado do nosso quarto , deixei as luzes apagadas apenas uma leve penumbra e coloquei um CD de músicas indianas que o Jorge tinha trazido. Quando o Jorge pediu para ir ao banheiro , sentí um certo receio do que seria a reação da Paula no andar da massagem. Pois tinha combinado com aquele profissional que teria que ser uma massagem ousada , com toques próximos a xoxota da minha esposa e uma massagem gostosa nos seus seios.Mais confesso que o tesão foi maior e deixei ser levado por ele e ver no que iria dá.

A Paula tirou seu roupão e deitou-se de bruços deixando à disposição do Jorge sua linda bunda e suas lindas coxas que foram massageadas por muito tempo. O mais enteressante foi quando ele dedicou um maior tempo em sua bela bunda. Fiquei louco de tesão de ver aquelas mãos ágeis e firmes percorrendo a bela bunda da minha esposa e ao mesmo tempo que ela pudesse se chatear e acabar com todo o meu barato.Passados alguns minutos Jorge pediu para soltar a parte da cima do biquini e o mesmo massageou suas costas longamente deixando a minha Paula completamente relaxada.

Depois ele pediu que ela se virasse e ela pediu para que ele amarrase seu biquini. Confesso que de início fiquei um pouco sem graça já que meu intuíto era vê-la com seus seios desnudos mais mesmo assim deixei ela a vontade e não pedi nem que ficasse ou que ficasse com a parte de cima.

Quando a Paula virou de frente o Jorge começou a massagear suas pernas e foi subindo para suas coxas e chegando as virilhas e aí comecei a sentir uma das maiores sensações de tesão até então experimentado por mim. Meu pau ficou duríssimo e melado ao ver um outro homem tocando , mesmo que fosse de uma forma sutil nas proximidades da buceta da minha esposa. Minha posição não permitia uma visualização melhor de onde ele realmente tocava. Só via no rosto de minha esposa de olhos fechados um ar de satisfação total com toda aquela situação.O melhor estava por vir , ele passou a subir suas mãos ávidas e ficou massageado entre os seios da minha esposa e de repente vejo suas mãos entrarem por baixo do biquini e apalpar seus peitos e os bicos que de longe pareciam que iriam furar o biquini. Aí caros amigos , eu já estava com o pau latejando de tanto tesão.

Essa massagem só nos seios foram uns 15 minutos mais ou menos me deixando pirado e febrio pela cena fantástica de ver minha esposa sendo tocada por um outro homem.

Quando acabou a massagem , tratei logo de pagar ao Jorge pelo seu trabalho profissional e minha Paula voltou a ” realidade “…rsrsrs…dizendo que tinha amado a massagem. Claro que tentei logo despachar o massagista da minha esposa e quando volto ela vinha saindo do banheiro. Imaginei de cara que deveria ter ido enxugar a buceta de tão excitada que deveria estar. Perguntei mais uma vez se ela tinha gostado e ela respondeu que tinha amado.

Falei então , que quem precisava de uma massagem agora era eu e na pica que estava doendo de tanto tesão. Quando puxei seu roupão e seu biquini sua xoxota estava escorrendo de tão tesuda que estava a Paulinha e chupei a minha esposa como nunca chupei nestes últimos 14 anos.Falei que tinha visto ela sendo massageada nos seios e na buceta e ela sorriu e confessou que enquanto estava de olhos fechados tomando a massaegm imaginava como deveria tá meu cacete de tanto tesão pela massagem erótica que presenciva ela tomando. Sorri também e confessei que estava excitado exatamente por isso , pela massagem , pelos toques e tudo mais.Gozamos muito e fomos jantar fora. Na volta a Paula estava novamente molhadinha e cheia de tesão e queria trepar de novo. Me perguntou se tinha gostado do que ví e falou que achou o Jorge um grande profissional mais que sua massagem era ousada…rsrsrs…mais já falou que quer repetir esta massagem outras vezes…

Enfim , é muito gostoso ver a nossa esposa sendo acariciada , tocada por um outro homem , eu , por exemplo, fico louco de tesão.Aos amigos casados , mulheres casadas e quem sabe aqueles que de repente sabem aplicar massagem , escrevam e vamos trocar idéias.

Neto.

Me adicionem : pitolomeu37@hotmail.com

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Para entrar em contato com este autor preencha o formulario abaixo e clique em enviar.

Pesquisa