Welcome, visitor! [ Register | Loginrss

As melhores acompanhantes do Rio de Janeiro estão aqui! hotside.com.br

Voce ja acessou o contoerotico 2 vezes! Para acesso ilimitado em nosso site seje um assinante vip

Meu vizinho comendo minha mulher.

  • Enviado: 17 de maio de 2010 16:53

Corpo do conto

Vou me apresentar como Geraldo (nome falso) para poder escrever este conto. Sou um cara normal e me casei com Tereza, uma mulher lindíssima (um avião) e muito fogosa: Morena, 1,68 m 57 k bundinha perfeita, seios maravilhosos, cintura fina e coxas bem torneadas. Como era de uma família de classe alta, morava num belo condomínio em uma casa bem espaçosa que tinha uma bela piscina onde recebíamos amigos e familiares nos finais de semana pra curtir um bom churrasco. O único vizinho que poderia ter uma visão de nosso quintal pela sua janela lateral, era um coroa já batendo nos 60 anos e que vivia sozinho, não sabíamos se era solteiro, viúvo ou separado. Tereza estava sozinha na piscina e quando cheguei, notei que alguém a espiava pela janela do vizinho… Tereza estava com um micro biquíni que deixava seu corpo mais espetacular ainda. Aproximei-me e quando lhe falei que alguém a estava espirando, ela sorriu: – É o coroa, todo dia que estou aqui na piscina ele fica na janela, e já notei que ele usa até um binóculo pra me espiar!… Da outra vez, cheguei e fiquei sem aparecer observando Tereza que estava com o biquíni um pouco abaixado mostrando a metade da bunda e da janela o coroa com o binóculo. Cheguei perto de Tereza e ela continuou do mesmo jeito. Quando lhe falei sobre o coroa, ela: – Deixa pra lá Geraldo! Só espero que ele esteja gostando do que está vendo!… Senti que Tereza gostava de exibir seu corpo pro vizinho e não fiquei com ciúmes, pelo contrário, fiquei excitado em pensar que aquele coroa devia estar desejando minha mulher. Agachei ao lado da cadeira onde Tereza estava esticada de bruços e segurando seu biquíni puxei mais um pouco: – Que tal mostrar um pouco mais?… Tereza não fez qualquer objeção e acabei tirando a parte de baixo do biquíni deixando todo seu lindo bundão aparecendo, ela: – Ele continua olhando?… De rabo de olho percebi que continuava, sem fechar toda a janela: – Se eu ficar de quatro ele poderia até ver minha xoxota pelo binóculo!… Eu já de pau duro, passei a mão em sua bunda: – Porque você não fica?… Tereza fingindo se levantar pra sair da cadeira empinou a bunda abrindo bem as pernas, pedi: – Fica nessa posição Tereza, vamos deixar o coroa ver mais um pouco!… Fui pra trás de Tereza, e segurando suas ancas levei a boca na sua xoxota e o nariz no seu rego, dei uma lambida: – Que isso Geraldo? Assim vamos matar o velho do coração!… Continuei lambendo e pedi: – Olha você pra janela!… Tereza virou um pouco o rosto: – Ele escancarou a janela e continua olhando pelo binóculo!… A boceta de Tereza já estava pingando: – Estou com vontade de meter na sua boceta só pra ele ver!… Tereza também excitada: – Não Geraldo! Vamos lá pra dentro!… Tereza levantou e só com a parte de cima do biquíni e ficou ainda alguns minutos andando e recolhendo seus cremes e roupas. No quarto já metendo em Tereza começamos a falar sobre o coroa, e Tereza: – O nome dele é Jonas e é um coroa bem bonitão!… : – Você tá gostando de saber que ele fica de espiando, né sua safada?… Tereza riu e sem nenhum pudor: – Será que ele fica se masturbando enquanto me espia?… Dias depois, Tereza: – Encontrei com Sr. Jonas aí na rua e ele me deu até um cartão com seu telefone pra caso se eu precisar de alguma coisa!… : – E ele te deu alguma cantada?… : – Cantada, cantada não! Mas ele praticamente me comeu com os olhos!… : – E aposto que você gostou, não é?… Tereza toda dengosa: – Hehehehehe! Fiquei tão excitada que minha calcinha ficou molhada!… : – Qualquer dia ele vai pular a janela só pra te agarrar!… Tereza rindo: – Já pensou? Você chega e pega o Jairo me comendo a força na piscina?… Novamente comecei a ficar excitado só pensando que aquilo poderia virar realidade, fui fazendo carinhos em Tereza e tirando suas roupas: – A força Tereza? Aposto que você não ia fazer nada pra tentar impedir!… Ela já nua e tirando meu pau pra fora pra poder dar uma mamada (ela gostava de chupar): – Só ia fingir um pouquinho pra ele não achar que sou uma mulher fácil!… Ela já chupando meu cacete: – Porque você não liga pra ele e o convida pra ficar na piscina com você, seria mais fácil!… Ela tirou a boca: – Acho que ele não toparia por sua causa!… E voltou a mamar minha pica. Tive uma idéia: – Liga pra ele e diz que vou estar viajando amanhã!… Novamente ela tirou a boca: – Você quer que eu fique sozinha com ele?… Puxei a cabeça dela pra ela engolir novamente minha piroca: – Eu fico escondido aqui no nosso quarto e olhando pela janela!… Gozei e ela até lambendo minha porra que escorria pelos cantos da boca: – E se ele quiser fazer alguma coisa comigo?… : Ué! Deixa! Ele é tão velho que nem deve dar mais no couro!… Começamos a rir e Tereza pegando o cartão, discou: – Oi Jonas! Só estou te ligando pra pedir um favor. É que meu marido vai viajar amanhã, e como vou ficar pela primeira vez sozinha, gostaria que ficasse de olho com seu binóculo em nossa casa! Tenho medo de algum ladrão entrar!… O papo entre os dois foi longo e cheio de malícias, principalmente por parte de Tereza: — Pode deixar Jonas, assim que eu estiver sozinha eu te ligo!… No dia seguinte, Tereza foi pra piscina e levou o telefone sem fio. Eu de dentro do quarto vi quando ela ligou… Pena que não dava pra ouvir. Vi quando Tereza tirou a parte de cima do biquíni e voltou a falar ao telefone… Não demorou, pra ela tirar a parte de baixo e falando no telefone começou a dar tiauzinho na direção da janela do coroa. Sabendo o Jonas devia estar na janela olhando minha mulher pelada na piscina, tive que tirar meu pau pra fora de tão duro que ficou. Tereza levantou e fazendo sinal positivo pra janela onde eu estava, vestiu um roupão e foi até o portão do quintal… Menos de três minutos vi o Sr. Jonas entrando vestido de bermuda, camiseta e chinelos. Tereza tirou o roupão e peladinha (muito safada) deitou na espreguiçadeira e Jonas sentou numa cadeira ao seu lado… Tereza entregou um pote na mão de Jonas que logo começou a passar o creme: ela já de bruços, sobre suas costas e em seu bundão gostoso… Daria tudo pra ouvir o que falavam naquele momento. Depois da parte de trás, Tereza virou de frente e o coroa começou logo pelos seus peitos esfregando e massageando… Eu só olhando e massageando meu pau duro levemente. Quando Jonas botou a mão entre suas pernas vi nitidamente que minha querida esposa sorria de felicidade… Jonas reclinou e começou a mamar nos seus peitos sem tirar a mão de sua xoxota… Meu pau ficou mais duro que pedra. Quando vi Jonas abrindo sua bermuda e tirando seu pinto pra fora, arregalei os olhos… O filho da puta do velho, além de estar com o pau muito duro, tinha um tamanho muito maior do que o meu… Tereza logo sentou e segurando o pau do velho ficou como se estivesse também admirando. A putinha da minha mulher, mesmo sabendo que eu estava olhando, botou a boca naquele gigante e ficou lambendo e chupando a ponta… A merda toda é que continuava sem ouvir nada do que falavam… Tereza ficou de quatro sobre a espreguiçadeira e Jonas foi por trás segurando sua tora, nem bem encostou já foi enterrando fazendo Tereza esticar o pescoço. Quando Jonas começou a socar aquele imenso cacete, Tereza virou o rosto pra janela onde eu estava sorrindo toda satisfeita… A minha vontade era estar ali bem pertinho só pra ver aquela tora penetrando na boceta da minha mulher. Antes de Jonas chegar a dar-lhe umas 10 pirocadas, notei que Tereza teve um orgasmo, mais umas outras 10 e vi quando o filho da puta gozou e encheu a boceta de minha mulher com sua porra… Acabei também gozando sozinho dentro do quarto. Tereza colocou o roupão e o acompanhou até o portão. Quando ela chegou no quarto: – Caralho Tereza! Não sabia que você fosse tão sem vergonha!… Ela toda sorriso e me abraçando: – Pô! Aquele velho tem uma pica muito gostosa!… Fui tirando seu roupão e beijando sua boca: – Sua puta!… Ela esfregando sua boceta melada de porra na minha perna: – Meu corninho, gostou de ver sua mulherzinha transando com outro homem, não é?… : – Adorei sua vaca, pena que tive que ficar olhando só de longe!… Ela me empurrando pra cama: – Combinei com Jonas em chamá-lo outras vezes!… Tinha acabado de gozar, mas senti começar a ficar excitado novamente, fui dando corda: – Da próxima vez vou querer assistir de perto!… E subindo sobre meu corpo e colocando sua xoxota próxima a minha cara: – Dá uma chupadinha na minha boceta, dá!… : – Mas ainda está suja de porra!… : – Por isso mesmo, quero que você sinta o gostinho do homem que me comeu na sua frente!… Mesmo indeciso dei uma lingüada: – Isso corninho, chupa mais, chupa! Limpa minha boceta com sua língua!… Voltei a lamber sentindo todo o sabor de porra, e a safada: – Isso! Chupa! Chupa, que eu quero gozar novamente!… Eu já de pau duríssimo, dei mais algumas passadas de língua e fazendo-a deitar na cama, enterrei meu pau naquela boceta, toda melecada e dei uma das melhores trepadas na minha mulher que gozou muito antes de receber uma nova quantidade de porra na boceta. Num domingo, bem quente, pedi pra Tereza ligar e convidar o Sr. Jonas pra tomarmos umas cervejas na piscina. Achei até que ele não fosse aceitar, mas o velho logo apareceu e me cumprimentou todo cheio de intimidades: – E aí Geraldo? Como vai? Obrigado pelo convite, tava mesmo a fim de beber umas cervejinhas hoje!… Ele tirou a bermuda mostrando uma sunga bem indecente. Depois de umas três garrafas de cerveja, Tereza tirou a parte de cima do biquíni e deitou do meu lado… Olhei pra sunga do velho e já vi que ficou estufada. Mais alguns copos: – Você gosta de ficar olhando a Tereza na piscina da sua janela, não é?… Ele não se alterou: – Gosto! Acho sua mulher lindíssima!… Tereza se levantou: – Ele já me viu até pelada!… Olhei pro velho: – É mesmo Sr. Jonas?… Ele também era bem safado: – Hehehehe! Vi sim!… Tirei a parte de baixo do biquíni de Tereza: – Se ele já te viu até pelada, não tem problema de você ficar assim!… Tereza pegou a toalha e colocou-a em nossa frente e deitou. A sunga do velho estava quase rasgando: – A minha mulher é muito gostosa, você não acha?… Ele passando a mão descaradamente sobre a sunga: – Gostosíssima!… Eu também de pau duro: – Que tal a gente ficar sem roupas, topa?… O velho sorriu: – Se você não se importar, eu topo!… Tirei a minha sunga e ele mais que depressa tirou a sua mostrando sua enorme vara: – Hehehehe! Vocês formam um casal bem liberal!… Tereza veio e ficando no meio de nossas cadeiras segurou minha pica: – Somos bastante liberais Jonas, O Geraldo até gosta de saber que outro homem me deseja!… Ela levou a mão no pau de Jonas também: – Vocês se relacionam com outras pessoas?… Ela largando a minha piroca pra dar atenção só na do Jonas: – Não! Você é o primeiro homem a nos ver na intimidade!… E começou a beijar a pica de Jonas, que segurando a cabeça de Tereza: – Podem contar comigo sempre que quiserem!… Tereza passou uma perna pro outro lado da cadeira e praticamente sentada no colo de Jonas, de frente pra ele: – O Geraldo está doidinho pra ver outro homem me fodendo!… Tereza segurou aquela enorme vara e foi esfregando sua boceta até começar a descer e a engolir a pica de Jonas que já estava mamando seus duros peitos… Tereza praticamente sentada com o pau de Jonas todo dentro da boceta começou a gemer e a mexer a bunda do colo do velho: – Hummm! Que pau maravilhoso! Nunca tive um grande desse jeito!… Ela fingia que eu não sabia que eles já tinham transado antes e ficou subindo e descendo cavalgando em cima daquela enorme piroca… Saí da minha cadeira e fui pra trás de Tereza vendo sua boceta subir e descer naquele grosso tronco: – Isso Tereza! Mostra pra ele o quanto você gosta de uma piroca bem dura!… Jonas com as duas mãos debaixo da bunda de Tereza ajudando-a naquela cavalgada alucinante: – Puta que pariu, parece até que estou no paraíso, que boceta deliciosa que sua mulher têm!… Tereza parecia descontrolada que berrava, uivava e gemia: – Ai meu Deus! Ai meu Deus! Acho que vou gozar! Caraaaaalho! Como é gostoso! Aiiiii! Aiiiii! Ohhhhhhh, gozeiiiiiii!… Jonas fez Tereza levantar um pouco a bunda e ficar nas pontas dos pés pra começar a socar de baixo pra cima até sentar novamente e fazer Tereza sentar no seu colo e gozar tudo na sua boceta. Quando terminaram, fiz Tereza ficar de quatro sobre a espreguiçadeira e soquei o pau no seu cu: – Tá vendo Jonas? Como minha mulher gosta de uma pica? Ela adora dar a bundinha também!… Dei algumas socadas e gozei no cuzinho da minha deliciosa putinha. Continuamos os três sem roupas e bebendo na maior descontração… Cada copo que Tereza vinha encher pra gente, ela dava um beijo da boca de um e do outro. Uma hora depois, Tereza no meio das nossas cadeiras, reclinou pra me beijar e praticamente colocou a bunda na cara de Jonas e esfregando: – To doidinha pra dar pro Jonas atrás, posso meu amor?… : – Claro! Mas será que ele vai querer?… Jonas mais que depressa: – Claro que vou! Já estava pensando nisso há muito tempo!… E não é que o velho estava de pau duro novamente? Tereza logo foi ficando de quatro: – Vem Jonas, vem meter esse pau gostoso na minha bunda!… Jonas mais que depressa, segurou o bundão de minha mulher e foi enterrando toda sua vara fazendo-a gemer feito uma cadela no cio. Eu de pau duro fui pra frente de Tereza: – Chupa sua cadela, chupa meu pau enquanto toma no seu cu!… Ela abocanhou e fiquei parado sentindo sua boca ir e vir no ritmo das socadas que Jonas lhe dava… Quase no mesmo tempo que Jonas começou a gozar na sua bunda, comecei a gozar fazendo a putinha beber toda minha porra. Depois desse dia, Jonas passou a freqüentar constantemente minha casa e minha cama comendo minha mulher na minha frente… Adoro ver minha putinha gemendo no pau de outro homem.

No Responses to “Meu vizinho comendo minha mulher.”

  1. adrianosimonett on 18 de maio de 2010 @ 06:07

    adorei o seu conto, tambem adoro ver minha gostosa com outro na cama. tem fotos de voces?

    adriano

  2. gentilesigiloso on 18 de maio de 2010 @ 09:26

    devia colocar umas fotos dela sem rosto, pra ver esse cuzinho lindo, e esses seios maravilhosos, como vc fala

  3. se quizer mais um socio estou as ordens am_vaqueiro_2009@hotmail.com

  4. adorrai conhecer los epossivel meu e mai e mariebeto@hotmail.com

    abracos

    Alberto

  5. que tezao de mulher, adoraria da uma enrabada nessa potranca

  6. delicia.. s quem ja viveu situaao semelhante save avaliar.
    Tambm ja minha querida metendo, j lembi a bucetinha dela esporrada. J vi ela dando a bundinha e gemendo,outras vezes s
    a levei de encontro a amigos, pra ela meter com eles. E depois ia buscar..
    juliosfer@bol.com.br

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Para entrar em contato com este autor preencha o formulario abaixo e clique em enviar.

Pesquisa