Welcome, visitor! [ Register | Loginrss

As melhores acompanhantes do Rio de Janeiro estão aqui! hotside.com.br

FUDENDO GOSTOSO 05 – CURRANDO A TIA DE NOVO

  • Enviado: 19 de maio de 2003 20:59

Corpo do conto

Fudendo Gostoso parte 005 ——- Essa historia se passa ainda quando eu tinha uns 16 anos de idade (hoje tenho 25). Continuo aqui a historia da minha tia Nicole, 26 anos, 1,65m, 55kgs, morena clarinha e a quem estava comendo a uns três meses (ver o conto Fudendo Gostoso 004 para ver como tudo começou). Desde aquele dia na minha casa, quando minha tia foi tomar sol na piscina e eu dei uma curra nela, ela ficou freguesa. Acho que o marido dela não devia dar muito no couro ou então ela estava vivendo uma fantasia por estar se envolvendo assim com um sobrinho dez anos mais novo. O fato é que toda semana eu comia aquela gostosa umas três ou quatro vezes na semana. Muitas vezes eu saia do colégio e ia direto para a casa. Nesse horário a Tabata (a filhinha dela, então com 7 anos) estava no colegio e o marido trabalhando. Então era só montar na minha potranca e chupar aquela buceta gostosa. Ela delirava cada vez que eu chupava o cuzinho dela, enfiando os dedos na buceta e no cu ao mesmo tempo e massageando o anus dela para ela se preparar para recber minha pica. Tia Nicole xingava muito, se esfregava no um corpo, pedia para eu gozar na cara dela. Depois de um tempo eu já nem esperava e depois de muito enfiar a pica no cu daquela vadia eu já virava ela para mim e enchia a cara dela de porra, no cabelo, no ouvido, tudo cheio de porra que escorria pelo rosto e ela lambia com gosto. Nos dias que eu não passava la ela me ligava de noite me atiçando par eu ir la rapidinho só para ela fazer um boquete em mim e ela então me chupava ate engolir toda minha porra. Depois de um tempo ela começou a pedir para ser amarrada e levar tapas na bunda. Eu então pegava o lençol e amarrava minha tia. Ou então usava as gravatas do corno do marido dela. Amarrava ela e comia a minha putinha com toda força. E depois enchia a bunda dela de tapas. Ela ficava vermelha, pedia para bater mais, gritava e pedia mais tapas e depois mandava eu comer o cu dela de novo. Um dia ela me contou que o marido dela estava broxa e fazia tratamento para ver se conquistava a ereção novamente. Eu ri muito! Alem de corno era broxa!! Um dia tivemos um jantar na casa deles – eu, minha mãe, meu pai, tia Nicole, tio Carlos e tabata – e aproveitando uma discussão na sala qualquer minha tia veio ver o que eu estava fazendo com a Tabata no quarto…hmmmm…..a Tabata é minha priminha toda loirinha, branquinha, bem fofa! Estávamos jogando vídeo game, ela sentada no meu colo e eu passando a mão por aquelas perninhas, massageando a bucetinha dela por cima da calça. Minha prima achava gostoso, mas eu não fazia nada alem disso, só atiçava ela e esfregava meu pau naquela bundinha. Tia Nicole entrou no quarto e ficou só olhando eu passando a mão na bucetinha da filha e lambeu os lábios. Olhei para ela e pisquei o olho. Ela em chamou e eu disse para a Tabata ir jogando. ——- SEU CACHORRO…..ESPERA ELA CRESCER PELO MENOS…. —— TIA, DEIXA EU TE COMER RAPIDINHO…VEM….. —- fui abraçando minha tia mas ela foi se soltando ——- AGORA NÃO, TA TODO MUNDO NA SALA E JÁ VAO ME CHAMAR ——— ENTAO UMA CHUPDINHA, SÓ UMA…ANDA, MEU PAU TA DURO, VC NÃO ESTA COM SAUDADES DE UM PAUZAO DURO? ——– minha tia era uma mulher fogosa, do tipo cachorra mesmo e aquilo mexeu com ela. Coitado do meu tio ficar broxa com um mulherao daqueles. —– VEM RAPIDINHO NO BANHEIRO DA SUITE ——- ela saiu e eu fui atrás. Fechamos a porta do quarto, dava ainda para ouvir a conversa da sala e entramos no banheiro. Tirei o pau para fora e ela foi logo ajoelhando e rezando! Minha tia pegou no meu pau e enfiou todo na boca engolindo ate as bolas e chupando todo meu saco. Comi aquela boca como se fosse uma buceta e ela disse —— NADA, GOZA RAPIDO!! ——– LEVANTA MINHA PUTINHA ——– peguei ela pelos braços e virei ela de frente para a pia, olhei a carinha dela pelo espelho e levantei a saia ——- NÃO MEU ANJO!!! AQUI NÃO!!! DEPOOOOOOOOIIIISSA AAAAHHHHHHHHH HMMMMM ——- enfiei meu pau fundo na buceta da minha tia. Da sala, ouvíamos a voz do corno e dos meus pais. Comia rápido, enfiando com força meu pau naquela rachinha e ela gemia baixinho e contorcia o rosto se segurando. Sem fazer questao de segurar o gozo, soleti tudo dentro da minha tia. Gozei minha cachorra toda e guardei o pau —— AMANHA VOLTO PARA TE COMER DIREITO. —— e sai do banheiro. Fui para o quarto da tabata e logo depois a tia Nicole passou por ali em direção a sala e pude ouvir o corno do meu tio falando que estava com saudades…..se ele soubesse….. (mulheres podem enviar msg para cariocaexcitado@hotmail.com)

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Para entrar em contato com este autor preencha o formulario abaixo e clique em enviar.

Pesquisa