Welcome, visitor! [ Register | Loginrss

As melhores acompanhantes do Rio de Janeiro estão aqui! hotside.com.br

Em Família

  • Enviado: 30 de setembro de 2009 10:02

Corpo do conto

Vou contar a vocês de uma forma rápida o que me aconteceu em janeiro deste ano quando ainda de férias escolares. Tenho 19 anos e um irmão com 20 e outra irmã com 22. Há algum tempo atrás descobri que meu irmão vivia pegando nossas calcinhas usadas depois que eu e minha irmã saíamos do banho e levava pro quarto dele e depois as devolvia ao cesto de roupas sujas toda melada certamente das coisas que ele fazia sozinho no quarto. Numa sexta feira à tarde, estávamos sós os três em casa e bebemos vinho e coca com vodka a valer. Ficamos todos três tontinhos e começamos a falar um monte de besteiras e acabamos por comentar o assunto das calcinhas e ele confessou que cheirava e lambia e batia punheta pensando na gente com elas. Minha irmã pediu a ele pra mostrar como ele fazia e tirou a calcinha dela e deu a ele. Ele começou a cheirar e esfregar ela no rosto e vimos a bermuda dele começar a estufar entre as pernas. Ele enfiou a mão dentro do short e começou a mexer no negocio dele. Nós riamos muito e minha irmã disse que era pra ele tirar pra fora pra ela ver como ele fazia. Ele tirou e nós vimos que era bem grosso, mas não muito grande, uns 15 cm talvez. Ele continuou mexendo pra frente e pra trás com a mão e minha irmã começou a se tocar também. Eu continuava achando tudo muito engraçado e só de brincadeira comecei a me tocar também, mas logo eu comecei a sentir o prazer me tomando e comecei a gemer e minha irmã também. Como estávamos mais próximas, nos encostamos uma na outra e começamos a nos tocar e quase sem querer estávamos tendo prazer ali na frente de nosso irmão. Ele disse que não estava acreditando no que via, ai minha irmã falou “então vem tocar na gente. Você vai ver que é de verdade…”. Ele nem precisou da gente. Só de ouvir isso ele gozou e nós vimos um jato de leite dele molhar nossos pés. Minha irmã reclamou com ele: “não joga fora não”. E foi no meu pé lamber a porra dele, ficando com seu bumbum virado pra ele. Ele se ajoelhou atrás dela e não se fez de rogado e meteu na xana dela. Ela então gemeu mais forte e veio me lambendo a perna até chegar a minha xaninha que já estava encharcada do primeiro orgasmo e me fez gozar na língua dela uma, duas e outra e outra vez. Eu não estava agüentando mais de prazer e meu irmão então disse que ia gozar e ela disse “tira daí e dá pra Aninha”. Ele tirou rápido dela e veio pra perto de mim me mandando abrir a boca, mas não deu tempo de entrar e me gozou no queixo e no pescoço e nos seios. Mesmo assim ainda dei uma chupada bem gostosa pra tomar o restinho e o pau dele amoleceu na minha boca. Minha irmã se levantou e ficou de joelhos na minha frente e disse que era a minha vez de chupar ela. Meu irmão me mandou deitar e veio por cima de mim e meteu na minha xaninha o pau ainda meio mole, mas que logo endureceu dentro de mim. Minha irmã abriu as pernas sobre a minha cabeça e se abaixou em cima da minha boca com sua xana e eu a agarrei pela cintura e lambi ela todinha até que ela gozou e eu continuei e fiz ela gozar de novo e de novo… Meu irmão me fodia com mais força e os gritos de prazer da minha irmã logo me fizeram gozar também e ela gozou tanto que uma hora acabou fazendo xixi na minha boca. Eu tentei sair debaixo, mas ela me segurou pelos cabelos e fez em toda a minha cara até acabar. Meu irmão vendo isso gozou dentro de mim gritando que a gente era maluca, mas que ele estava adorando… Depois dessa, descansamos e fomos tomar banho juntos e transamos os três no banheiro de novo. Aí, chegou o Papai e viu a gente transando lá e… Bom essa é outra historia, mas um dia eu volto pra contar…

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Para entrar em contato com este autor preencha o formulario abaixo e clique em enviar.

Sobre este autor

  • Escritos por: amarinho
  • Membro desde: 29 de novembro de 2006

Outros contos de autoria deste autor amarinho

Ultimos contos escritos por amarinho »

Pesquisa