Welcome, visitor! [ Register | Loginrss

As melhores acompanhantes do BRASIL estão aqui!

Tipo do usuario: guest

Em familia-1

  • Enviado: 29 de setembro de 2002 10:15

Corpo do conto

Oi, meu nome é João,tenho 16, e ainda sou virgem, moro em São Paulo. Tudo começou quando uma prima minha ligou para minha mãe e disse que teria que fazer uma prova e pediu para possar em casa durante tres dias. Minha mãe aceitou. Mimha prima tem 35 ano, loira, alta, magra, seios grande, e uma bunda que deixa qualquer um louco de tesão, mas ja possuia uma minha filha de 15 anos, por sinal linda. Quando chegou pude ter noção do tesão que aquelas duas mulheres representavam. Como minha casa so tem tres quartos e minhas irmas dorminha no outro, minha prima e sua filha teve que ir dormir no meu quarto. Na primeira noite ocorreu tudo bem, mas no outro dia eu teria de ir a escola de tarde, e minha prima fazer a sua prova, então sua filha iria ficar com minha com seu emprego. Não via a hora de chegar em casa e ir para o banheiro tocar uma punheta para as duas. Quando chego em casa, subi correndo para o meu quarto para pelar uma revista erotico e deparo com minha prima nua com uma de minhas revista na mão e a outra mão ela se mastubava. Quando ela me viu ficou sem graça e me pediu para não contar para ninguem, então eu disse “o que ganharia com isso?”, ela me disse que poderia me fazer uma chupeta, eu concordei, foi quando ela veio em minha direção e começou a me beija, tirou minha camiseta, abaixo meu short, e se deparou com o pinto de 22cm, e disse: “que pinto enorme meu priminho tem.” Começou a chupar a cabeça do meu pinto, depois lambeu todo o corpo dele, chupou as bolas do meu saco, e começou um vai e vem, que engolia todo meu pinto ate o talo, e perguntou se eu ja havia transado, fique com vergonha e disse que “Não”, isso a deixou louca. Foi quando ela disse que eu iria ter o prazer de fuder a sua boca. Ela me segurou pela cintura, pos meu pinto toda na sua boca, e começou movimentar minha cintura para frente e para tras, pondo e tirando ele de sua boca. Quando eu estava preste a gozar ela disse: “Goze na minha cara, pois eu sou sua putinha!” Tirei meu pinto da sua boca e ela começou a me masturbar e quando comecei a gozar ela direcionou meu pau para sua cara, que ficou lambuzada de porra. Então fomos surpreendidos pela sua filha e minha irma casula de 12 anos. Continuo no proximo capitulo. Se gostaram me envie um e-mail: leandocolombo@bol.com.br.

One Response to “Em familia-1”

  1. Aprenda português. Leia mais. O conto é interessante, a ortografia é de chorar.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Para entrar em contato com este autor preencha o formulario abaixo e clique em enviar.

Sobre este autor

  • Escritos por: Joao
  • Membro desde: 12 de setembro de 2002

Outros contos de autoria deste autor Joao

Ultimos contos escritos por Joao »

Pesquisa