Welcome, visitor! [ Register | Loginrss

As melhores acompanhantes do Rio de Janeiro estão aqui! hotside.com.br

Tipo do usuario: guest

A primeira vez de muitas de uma putinha

  • Enviado: 19 de dezembro de 2009 05:36

Corpo do conto

Na época eu tinha 20 anos e minha namorada estava com 18, depois de só alguns amassos, começamos a transar. Quando já tínhamos quase um ano de namoro, certo dia, um amigo meu veio me visitar e a Fabiana estava em casa comigo. Depois das apresentações ficamos conversando um pouco e, de repente, começou uma chuva bem forte. Então eu disse ao meu amigo pra ele dormir aqui em casa. Terminamos de jantar e ficamos assistindo um filme. Ele, então, deitou-se no sofá maior e ficamos eu e Fabiana, juntos no outro menor. Todos assistindo, ao filme que já estava quase no final. Quando Fabiana começou a me beijar com mais intensidade e apertava meu pau por cima da calça, foi então que notei o fogo dela! Meu amigo já estava dormindo e uma parte do pau dele estava aparecendo pela perna do short que ele estava usando, dando a impressão de ser bem grande! Então, a Fabiana me disse baixinho no ouvido: – Olha amor que picona seu amigo tem, está mole ainda, isso duro deve ser enorme, parece ser uma delícia! Na hora bateu um pouco de ciúme dela falar assim, mas não comentei nada, afinal parecia ser grande mesmo. O Caio acordou e nem percebeu que uma parte do pau dele estava pra fora e comentou que caiu no sono e perdeu o filme e pediu desculpas! Só então, ele percebeu que a Fabiana estava olhando o pau dele e, rapidamente, ele escondeu e pediu desculpas de novo dizendo que nem tinha percebido. Fabiana então, perguntou, sem pensar direito, qual o tamanho do pau dele. Ele olhou pra mim, todo constrangido e, então, eu disse que não tinha nada a ver com isso e que ela é quem queria saber. Ele respondeu que a grossura ele não sabia por que nunca tinha medido, mas o tamanho tinha 26 cm. Então, ela soltou um “uau!!” e também, sem dar tempo de pensar, pediu pra ver, dizendo pra ele tirar o short e mostrar pra ela, que ela nunca tinha visto um desse tamanho e perguntou pra mim se eu deixava ela ver o pau dele. Então eu disse que ela já tinha visto uma parte e que podia ver inteiro se ele quisesse mostrar! Então, ele tirou o short e, mesmo mole, aquilo realmente era muito grande! A safada pediu pra ele deixar o pau ficar duro pra ela ver como era, e então ele disse que não estava muito à vontade, porque eu estava com ela e sou grande amigo dele. Então ela disse pra ele chegar mais perto pra ela olhar. Ele olhou pra mim e eu concordei. Ele ficou de frente pra ela e ela, então, passou a mãozinha no saco dele e depois segurou a pica dele batendo uma punheta lenta pra ele, e aquele pau começou crescer na mãozinha dela. A safada ficou doida com o pau: – Amor, olha o tamanho desse caralhão, que picona linda, deixa eu brincar um pouco com ele,nunca tive um cacete desse tamanho, deixa amor eu brincar um pouquinho? Nem esperou eu responder e lambeu a cabeça do pau e começou chupar dizendo que era muito gostoso! Estranhamente, eu gostei de vê-la chupando aquele caralho! Ela batia punheta e chupava o que conseguia enfiar na boca! Ele, então, pediu pra ela mostrar a bocetinha dela pro pau dele ficar mais duro ainda! Então minha namorada, olhou pra mim segurando a pica dele e pediu pra eu tirar a saia e a calcinha dela pro meu amigo ver a bocetinha dela. A putinha estava se revelando: chupava a pica e dizia que estava uma delícia aquele cecetão na sua boca! Ela, chupando o pau e falando sacanagens… Ele não agüentou e gozou… O pau dele esguichou um monte de porra… Lambuzou todo o rostinho angelical dela, sem contar os primeiros jatos que foram diretos na boca e que a safada engoliu com grande prazer. Quando ele terminou de gozar, me pediu desculpas e disse que não agüentou ela chupando ele e disse que ia tomar um banho! Assim que ele entrou no banheiro a safada me deu um beijo me fazendoeu sentir o gosto da porra dele e dizendo que aquele leite era uma delícia, e me agradeceu por tê-la deixado brincar um pouco com ele! Caio voltou do banho pelado e com o caralho ainda duro! Então a safada olhou pra mim e disse: – Olha amor que picona linda, o safado ainda está de pau duro… Deixa-me sentir essa pica na minha bocetinha? Deixa ele meter um pouco? – Eu dizia que não e ela ficava insistindo pedindo até que ela me disse: – Ah deixa, amor, só um pouquinho, você me deixou mamar no caralho dele e nem disse nada! Agora, deixa ele me foder um pouquinho! Eu quero sentir essa picona dentro da minha boceta, você me deixou mamar, meu corninho, deixa eu meter, eu te amo, só estou com tesão nessa pica, deixa ele me foder que eu te dou uma surpresa bem gostosa, deixa vai? Então olhei pro meu amigo e disse pra ele fazer o que ela queria. Ele sentou na frente dela e chupou a boceta dela, enquanto isso ela me beijava e me agradecia. Então ele encostou o pau na boceta dela e, antes dele começar meter, ela pediu pra ele deixar só a cabeça da pica na boceta dela e então olhou pra mim e disse: – Amor, manda ele enterrar esse caralho na sua putinha, manda meu corninho! Quero sentir a pica dele, mas é você quem vai mandar ele meter! Fala que quer ver esse caralhão arrombando minha bocetinha, mande ele meter na sua putinha! Então, eu dei um beijo nela e disse pra ele arrombar aquela puta, dar uma surra de pica nela, meter e fazer ela gozar bem gostoso! Aos poucos ele foi enfiando o pau nela, enfiava um pouco e tirava e dava pra ele chupar e voltava a meter de novo, mas o pau não entrava todo, a todo momento ela dizia que estava uma delícia, então ele sentou no sofá e disse pra ela sentar pra enfiar o tanto que ela agüentasse, ela tentou de todo jeito mas o pau não entrava todo, e ela gozou adoidado e dizia que ia querer mais vezes até conseguir sentir o caralho todo dentro dela. Daí a pouco, ele deu sinal que ia gozar gemendo mais forte! Ela percebeu que ele ia gozar e pediu pra ele encher ela de porra, gozar dentro dela! Ele olhou pra mim e eu estava batendo uma bem gostosa, vendo a minha safadinha levando pau na boceta, como o pau não entrou todo nela, consegui ver quando ele começou soltar porra dentro dela. Via o pau pulsando na boceta da minha putinha safada, quando ele terminou de gozar ela pediu pra ele tirar o pau bem devagar pra ela ficar com a porra dentro dela. Ele tirou o pau e deu pra ele mamar um pouco pra deixar limpinho e então foi tomar outro banho. A safada olhou pra mim e viu que eu tinha gozado no chão batendo uma, a vendoela ser fodida e então me deu um beijo gostoso e mandou: – Que delícia hein corninho? Agora a surpresa gostosa que te prometi, a bebida dos cornos: chupa minha boceta e deixa ela limpinha! Você vai adorar fazer isso querido e sempre que você deixar eu meter com outros machos, vou te dar porra na boceta! Adorei foder com seu amigo e da próxima vez eu vou dar o cu pra ele! Agora, chupa a sua putinha e me deixa limpinha, vem beber leite de macho na boceta da sua puta vem, bebe tudo meu corninho, a bebida dos cornos, vou te dar essa bebida sempre, vou viciar você em leite de pica, mete a boca aí e bebe tudo, me chupa gostoso. Lambi e chupei a boceta dela tirando toda a porra que tinha na boceta dela. Foi uma noite maravilhosa, como ele dormiu em casa trepamos mais algumas vezes durante a noite, e enquanto ficamos juntos, minha putinha trepou com muitos machos, muitas vezes comigo assistindo, ou quando eu não podia ver, ela me contava tudo depois, enquanto eu a chupava. Há alguns anos atrás, um acidente de carro tirou minha putinha de mim e hoje estou sozinho, mas gostaria de encontrar uma mulher safada que queira um relacionamento sério com um homem liberal. Tenho 1,78 m 38 anos e gostaria de conhecer uma putinha que também queira algo real e sério. Namorar e casar, que seja safadinha, que tenha fantasias e queira realizar as fantasias que tiver. Que goste de usar roupas curtas e provocantes, saias sem calcinha e que goste de caralhos grandes e grossos para ser fodida na frente do corninho. Se você se enquadra no que quero e quiser me conhecer melhor, podemos entrar em contato e conversar. O mínimo que poderá acontecer é de sermos bons amigos! Fico aguardando você putinha safada.

No Responses to “A primeira vez de muitas de uma putinha”

  1. Serar que realmente isso foi verdade.

  2. Sensasional este conto se for real me deixou tentada a repetir

    bjs hotcasal

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Para entrar em contato com este autor preencha o formulario abaixo e clique em enviar.

Sobre este autor

  • Escritos por: corninhobi
  • Membro desde: 4 de setembro de 2009

Outros contos de autoria deste autor corninhobi

Ultimos contos escritos por corninhobi »

Pesquisa